Afinal, como podemos evitar clientes inadimplentes na empresa?

Dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostram que, atualmente, há mais de 61 milhões de brasileiros com dívidas. Esse dado indica a necessidade de saber como podemos evitar clientes inadimplentes.

Isso porque a inadimplência afeta o giro de capital e traz prejuízos para o caixa e para a saúde financeira dos negócios, sobretudo os de micro e pequeno porte. O alto índice de consumidores com pagamentos em atraso se deve, principalmente, à recessão que resultou em demissões em massa e desemprego.

Diante desse cenário, é indispensável que as empresas adotem práticas para evitar que os clientes cheguem a essa situação. Isso não depende apenas do empreendedor, mas ele pode atuar de forma preventiva. Neste post, apresentamos algumas dicas para alcançar esse objetivo: reduzir a inadimplência e aumentar o faturamento. Confira!

Aposte em formas de recebimento rígidas

A venda de esperança — quando fica acertado entre vendedor e comprador que o pagamento será feito depois — tem duas perspectivas: uma positiva e uma negativa.

A primeira facilita o acesso ao consumo e aquece o fluxo de vendas da empresa, já que permite aumentar o tíquete médio e o faturamento, e serve como estratégia de fidelização. Já a segunda eleva os riscos de inadimplência, nas formas de recebimento por cheque, boleto ou “fiado” — comum em lojas de bairro.

Por isso, é preciso estabelecer formas de recebimento rígidas para não prejudicar o caixa por falta de pagamento. Ao mesmo tempo que é necessário ter maneiras flexíveis e diferenciadas de garantir as vendas, é importante ter um sistema de crediário em que seja possível controlar as transações. E lembre-se: fiado nem pensar!

Emita nota fiscal

Em razão dos altos tributos, muitas empresas, fornecedores e clientes optam por não emitir nota fiscal. Isso leva a crimes de sonegação fiscal, que podem atingir a empresa futuramente.

Além disso, a nota fiscal é uma forma de controle, de garantir recebimentos de compras a prazo e de acionar a Justiça em virtude de inadimplência. Às vezes, é melhor perder uma venda do que ter problemas futuros.

Verifique se há pendências

Uma das principais formas de prevenir a inadimplência é ter um sistema de análise de crédito eficaz. Para isso, ele deve dar conta de avaliar o perfil do cliente, sua capacidade de pagar a dívida, seu histórico de pagamento e se há restrições a seu nome.

A análise de crédito é um procedimento específico de empresas que oferecem a possibilidade de crediário e vendem a prazo e em parcelas, ou que dão acesso a outros recursos de crédito.

Estabeleça uma política de crédito

Ter uma política de crédito nos processos de venda é outra dica importante para evitar que os clientes fiquem inadimplentes com a empresa. Essa ação envolve uma série de critérios e normas para regular a concessão de financiamentos para as transações.

Muitos acham que essa política pode ser vista como burocrática e despertar desinteresse nos clientes. Na verdade, ela protege a empresa de prejuízos e possíveis fraudes.

Mantenha um sistema de cobrança eficiente

É essencial ter um sistema de cobrança eficiente, com lembretes estratégicos, formas de cobrar sem constranger o consumidor e atuação otimizada por meio de diferentes canais de comunicação.

Nem sempre, porém, é possível evitar clientes inadimplentes, mesmo com essas ações de prevenção. Nesse caso, a cobrança pode se tornar a última tentativa de negociação: se feita de forma profissional, é uma prática saudável de relacionamento com o cliente que pode reverter a situação em favor da empresa.

Gostou deste conteúdo e de saber como podemos evitar clientes inadimplentes? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e divida esse conhecimento com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *